O que é empatia? #tvnube

COMPARTILHAR
Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Empatia é a capacidade psicológica de tentar compreender sentimentos e emoções das outras pessoas. Sua origem vem da fusão de duas palavras gregas, com seus respectivos significados: in – para dentro; e pathos – sentimento. Essa qualidade humana entra no espectro da inteligência emocional, sendo assim, pode ser desenvolvida.

Você já se encontrou triste ou cabisbaixo em uma situação e alguém chegou para conversar entendendo perfeitamente a sua comoção? Geralmente, a sensação de compreensão pelo outro nos proporciona calma e bem estar. Portanto, o indivíduo exerceu com sucesso sua empatia.

Para Jorge Penillo, palestrante e mentor de liderança e carreira, essa competência está ganhando cada vez mais destaque no mercado de trabalho. “Faça exercícios para entender as pessoas por meio da comunicação, jeito de agir e comportamento. Assim, torne-se um profissional bem visto pela empresa”, afirma Penillo.

Você provavelmente já ouviu falar em Inteligência emocional, certo? De qualquer forma, vamos recapitular! De acordo com o blog Mundo Psicologos, a inteligência emocional é a aptidão de reconhecer as próprias emoções e, por meio desse autoconhecimento, assimilar a emoção dos demais. Ficou clara a relação com nosso tema central?

Em vista disso, podemos listar a empatia como uma virtude essencial para sua vida pessoal e profissional. Afinal, trata-se de um atributo particular do ser humano e deve ser explorado. Veja a seguir, seis dicas do site administradores.com para desenvolver a empatia e ser um grande comunicador:


1. Livre-se de pré-conceitos

Ao praticar a empatia, estamos nos abrindo à possibilidade de conhecer alguém verdadeiramente. Apoiar-se em uma imagem construída cria uma espécie de muro, onde ambas as partes ficam na defensiva. Então, acreditar em figuras pré-concebidas faz o relacionamento ser baseado em desconfiança e isso vai te prejudicar.

  1. Crie conexões pessoais

Quando a mente está livre de julgamentos é mais fácil enxergar as conexões com o sujeito. Assim, quando obter uma informação capaz de conectá-lo com seu interlocutor, diga! Ao dispor-se a estabelecer laços de confiança, certamente você receberá o mesmo em retorno.

  1. Elogie de forma sincera

Todo mundo gosta de ser elogiado, é fato! Mas provavelmente 80% das pessoas conhecem de longe um bajulador, não é verdade? O famoso “puxa-saco” não é honesto, apenas quer algo em troca. Perceba! Reconhecer verdadeiramente algo extraordinário feito por alguém é uma forma de criar empatia.

  1. Faça perguntas

Fazer perguntas dentro do contexto demonstram interesse por quem fala, além de demonstrar uma tentativa de “calçar os sapatos” do outro. Procure ouvir sem jamais manifestar estranheza ou qualquer tipo de negatividade diante das respostas. Lembre-se: não julgarás!

  1. Não compare

Comparar pessoas ou situações é a maneira mais rápida de não expor interesse pela situação, indo para o lado oposto do almejado. Apenas receba a mensagem e preste atenção.

  1. Converse novas pessoas

Essa é uma forma de sair da zona de conforto e testar seu poder empático. Quando você conversa com um estranho, não tem ideia de qual será o retorno. Então, é um ótimo jeito de exercitar as dicas anteriores. Se você consegue expressar empatia por um desconhecido, imagine a força disso e os benefícios com sua equipe.

Não se esqueça! A prática leva a perfeição. Gostou do assunto? Assista ao vídeo e acompanhe mais dicas na TV Nube! Nosso conteúdo é atualizado semanalmente e você pode desfrutar sem moderação, aproveite e concorra às melhores vagas!

CADASTRE-SE PARA RECEBER INFORMAÇÕES SOBRE NOSSOS CURSOS

Informe o seu nome completo
Informe um número de celular válido
Preencha todos os campos obrigatórios