Pomodoro: técnica que pode te ajudar nessa volta às aulas!

COMPARTILHAR
Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Com a volta às aulas é comum nos interessarmos por técnicas  que podem ajudar tanto com a produtividade quanto com a gestão do nosso tempo, não é mesmo? Afinal, sempre encontramos pontos a melhorar de um ano letivo pro outro. 

Uma técnica que pode ajudar (e muito) a melhorar a concentração, foco e, ainda, a gerir o seu tempo perfeitamente é o método de Pomodoro, já ouviu falar? Se ainda não, acompanhe o texto e aprenda tudo o que precisa sobre o tema! 

O que é a Técnica de Pomodoro? 

Criada pelo italiano Francesco Cirillo nos anos 80, a Técnica Pomodoro, ou somente Pomodoro, é um dos métodos de gestão de tempo e aumento de produtividade mais fáceis de serem implementados no dia a dia, já que não precisa de ferramentas elaboradas para ser colocado em prática. 

Francesco buscou por métodos que ajudassem a organizar suas demandas cotidianas e, para isso, ele utilizou um timer de cozinha, o qual tinha um formato de tomate – daí vem o nome, Pomodoro, que em italiano significa tomate.  

O timer rodava durante exatos 25 minutos e emitia um alerta ao final desse período. Durante esses minutos em que o timer funcionava, ele se concentrava nas tarefas que tinha pra fazer, sem pausas ou interrupções, procurando se manter muito focado e parando somente com os alertas. 

Após notar os resultados positivos, ele divulgou o método no ano de 1992. 

Como funciona a Técnica de Pomodoro? 

Para mandar bem nos estudos nessa volta às aulas, experimente a técnica de Pomodoro! 

Hoje em dia existem diversos aplicativos e sites que fazem a função do timer de cozinha que o Francesco usou na época dele. Por isso, vamos explicar como essa técnica funciona, detalhadamente, e como você pode aplicá-la no seu cotidiano.  

A Técnica funciona a partir da ideia de que, com a divisão do nosso fluxo de trabalho em blocos de concentração plena, é possível otimizar a agilidade do cérebro, além, claro, de estimular nosso foco na atividade.  

Ou seja, para colocar o método em prática você precisa de: 

  • Lápis e borracha; 
  • Uma lista de demandas; e 
  • Um cronômetro ou timer. 

O primeiro passo é fazer uma lista de tarefas – as quais você precisa “dar conta” durante o dia. Com as demandas listadas, é só dividir o seu tempo em períodos de 25 minutos (chamados “pomodoros”) e, nesse tempo, é preciso trabalhar com foco total na tarefa. 

Assim que o timer tocar, ao final dos 25 minutos, é necessário fazer um “x” nas tarefas finalizadas ou anotar o status do trabalho (ex: 70% concluído) e fazer uma breve pausa de 5 minutos. É legal aproveitar esse intervalo para realizar uma atividade não relacionada ao trabalho (beber uma água, ir ao banheiro, tomar um café, etc.). 

Depois de 4 rodadas, faça uma pausa maior para o seu descanso – algo entre 15 e 30 minutos. Segundo os especialistas na técnica, os intervalos são essenciais para que o seu cérebro “oxigene” e, assim, você consiga aumentar a agilidade mental. 

Dica: esses períodos foram sugeridos lá pelo Francesco, no método clássico, porém você pode encontrar medidas de tempo que funcionem melhor pro seu dia a dia, então vá testando e tente encontrar um equilíbrio.   

Aplicativos e Sites 

Como falamos no tópico anterior, atualmente, existem aplicativos e sites que te ajudam a controlar os períodos de tempo onde precisa focar na tarefa e os minutos de descanso e vamos elencar alguns aqui pra te ajudar: 

Essas indicações são as mais famosas, porém ainda existem muito mais apps e sites, por isso, temos certeza que será possível encontrar um que você curta bastante! 

Os resultados e benefícios desse método 

Agora que você já sabe quase tudo sobre a Técnica de Pomodoro para turbinar sua volta às aulas, que tal conferir alguns benefícios e resultados desse método? Vamos lá! 

Após algum tempo colocando o Pomodoro em prática, será possível notar pontos, como: 

  • a capacidade de entender o que te distrai; 
  • compreender facilmente quanto tempo você leva para concluir cada demanda; 
  • descobrir quais são as principais interrupções no seu trabalho. 

E alguns dos benefícios serão: 

  • Aumento do foco; 
  • Alívio da ansiedade; 
  • Maior motivação para realizar as tarefas; 
  • Aumento da conscientização das decisões; 
  • Reforço da determinação para atingir seus objetivos; 
  • Melhora no processo de trabalho e/ou estudo  
  • Muito mais! 

CADASTRE-SE PARA RECEBER INFORMAÇÕES SOBRE NOSSOS CURSOS

Informe o seu nome completo
Informe um número de celular válido
Preencha todos os campos obrigatórios